segunda-feira, 31 de maio de 2010

Fiz tantos planos para curtir o final de semana com meu amor e o filhote... mas sexta feira o maridão teve que viajar com urgência, sua vozinha não estava bem e infelizmente faleceu no sábado :( e eu pra não ficar sozinha em casa corri pra casa da minha mãe. Foi tão estranho dessa vez ... Já tinha acontecido antes do Júnior viajar e eu ficar sozinha, mas desta vez eu fiquei com o meu pequeno. Bateu uma insegurança, um medo...
Sei que meus pais adoraram acordar com o Davi por lá, paparicaram, mimaram e brincaram muitoooooooooo com meu pequeno que estava numa alegria só e eu curti também, mas meu maridão fez uma falta :(
Já fazia alguns dias que o Davi estava com uma tosse chata, nariz entupido e estava sendo medicado mas nada de melhorar. Há 15 dias atrás o levamos ao pronto socorro, a médica pediu um raio X e estava tudo ok, ela pediu para continuar fazendo inalação com soro, pingar Rinosoro e o quadro dele continuava estável. Mas nesta noite meu pequeno passou mal, não conseguia dormir, só chorava, queria colo e eu sozinha, tentando acalmá-lo. Passei a madrugada inteira acordada e desesperada, sem saber o que fazer e sem querer ligar pra ninguém para não assustar, incomodar...até pensei em levá-lo sozinha de madrugada ao hospital, mas não conseguiria dirigir com ele chorando. Enquanto isso monitorava a temperatura e estava tudo ok até então. Quando deu 5 hs da manhã, liguei pra minha mãe. Não aguentava mais. Tinha que levá-lo ao médico. Minha mãe chegou, consegui terminar de me arrumar e saímos. No caminho, medimos a temperatura dele e já estava com 38,5 e no carro mesmo o medicamos. A dra. examinou, pediu um raio X e constatou: Bronquiolite. Meu filhote infelizmente está fazendo uso do antibiótico :( A Dra. pediu para não levá-lo ao berçário esta semana para que o tratamento seja mais eficaz. Estou em casa para cuidar do meu pequeno. Ele passou o dia melhor, acho que o medicamento já começou a fazer efeito.
A mamãe aqui está com uma baita dor nas costas de segurá-lo, balançá-lo... também pudera, pesamos e medimos ele hoje e o nosso pequeno está com 10 kilos e 70 cm. Haja braço!!!!!
Bom, enquanto escrevia o maridão ligou para dizer que já estava embarcando e logo, logo está chegando...que alívio!!! Além da falta que ele fez em todos os sentidos, só o fato de saber que ele está por perto me traz mais segurança.

Beijinhos queridas e uma semana abençoada pra nós :)


quinta-feira, 27 de maio de 2010

Selinhos

Ganhei estes selinhos da queridíssima e prendada Mari, mãe do Theozinho do Tudo Junto e Misturado http://blogdenotasdamari.blogspot.com/
Como regrinha para colocar aqui no blog, preciso responder quais são as 3 coisas mais fofas da minha infância

Vou dizer algumas coisas que fazia, não sei se são tão fofas assim mas foi o que veio a memória agora...rsrs

1 - Brincar de fazer comidinha. Nas panelinhas tinham pipoca, bala juquinha, doce de amendoim...rsrs DELÍCIAAAAA
2 - Andar de carrinho de rolemã com meu irmão...ADORAVAAAAAAAAA
3 - Quando viajávamos com mais 2 famílias de amigos e todas as meninas iam juntas no mesmo carro, dando tchauzinho para todos que passavam...era uma farra.
Tão bom relembrar esses momentos...

Outro selinho


Bom, para este eu não tenho muito o que dizer... a única viagem que fiz com o Davi foi para Bragança Paulista e mesmo assim para voltar no mesmo dia. Mas nossas férias estão próximas e aí sim, saberemos o que é viajar com um filho...Já fico imaginando as malas...rsrs

Ofereço estes selinhos a todas as amigas que quiserem participar da brincadeira. A primeira achei o máximo, me fez voltar no tempo...

Beijinhos

Criando filhos emocionalmente saudáveis

Domingo fui almoçar na casa da "sogrita" e teve um momento que começamos a falar sobre crianças, em como algumas são agitadas, agressivas outras calmas e começamos a analisar a filha de uma moça conhecida da gente. Meu sogro disse até para tomarmos cuidado quando ela se aproximasse do Davi, pois é uma criança muito agressiva, que bate, morde, arranha e ela não tem nem dois anos. Daí começamos a analisar o tipo de vida que ela tem dentro de casa, dos conflitos e das brigas que ela provavelmente presencia e chegamos a conclusão de que aquela criança não poderia agir diferente...os exemplos que ela tem por perto são péssimos.
Fiquei pensando na responsabilidade que temos em criarmos filhos emocionalmente saudáveis. Pesquisei algumas coisas na net, ouvi algumas mensagens interessantes, mas hoje li no blog da Tata algo que gostei muito, algo aliado com aquilo que acredito e com os princípios que queremos passar ao Davi. Achei interessante compartilhar.

http://simmulher.blogspot.com/2010/05/voce-nao-tem-tempo-sera.html

Bjs

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Oração pelo Filho



Oh! Deus
Olha para o meu filho.
Fortifica-o para que cresça feliz
e tenha olhos que lembrem
a tranqüilidade de um lago,
a firmeza de um rochedo
e a luz da esperança.
Dá-lhe uma saúde integral,
uma inteligência completa
e um sentimento vivo.
Põe no seu coração
a reverência aos Teus ensinamentos,
o respeito aos outros,
o amor ao trabalho,
a dedicação ao estudo,
a candura e a obediência.
Para tornar-me digna dele
e não lhes transmitir nervosismo,
desajuste, tristeza, medo ou maldade,
envolve-me em tranqüilidade, equilíbrio,
alegria, coragem e bondade.
E ensina-me a descobrir
as virtudes que ele têm,
a elogiá-lo sem exageros e
a corrigi-lo com sabedoria.
Em primeiro lugar, pois,
modela-me a alma grande e generosa,
para amá-lo na semelhança do Teu amor.

Obrigado! Meu Deus! Obrigado!

Extraído de: Preces do Coração

terça-feira, 25 de maio de 2010

A birra


Meu pequeno ontem tomou as vacinas Tetra, Hepatite e Polio e graças a Deus não teve nenhuma reação. Só chorou na hora, mas depois ficou bem. Era para ter tomado a H1N1 mas a enfermeira achou melhor dar só no próximo mês para não picar tanto meu filhote.


Meninas, tenho percebido que aquele bebezinho bonzinho e tranqüilo está cada dia mais agitado, cheio de personalidade e vontades, já mostrando a que veio. É incrível como, de um dia para o outro eles mudam. Ontem, percebi algumas coisas: Quando não deixei que pegasse o celular ele gritou, chorou sem lágrima alguma e se esticou todo. Outra situação foi na hora do banho que ele cismou com a saboneteira e quando fui tirar da sua mãozinha ele repetiu a mesma cena do celular. Fiquei assustadíssima e cheguei a pensar que pudesse ser reação da vacina...kkkkkkkkk nunca tinha visto ele fazendo birra daquele jeito...
Tenho lido várias dicas interessantes a esse respeito, mas na prática quando me vi diante desse "showzinho" a primeira reação foi ceder as suas vontades :( mas também ele me pegou super desprevenida...rsrsrs

segunda-feira, 24 de maio de 2010

Dia de Vacina

O final de semana poderia ter 3 dias, não acham? Meu final de semana passou voando, mas graças a Deus foi bem mais tranquilo que o outro. Descansei um "cadinho", curti o filhote, o maridão e até consegui ir a manicure...rsrs minha unhas estavam "clamando" pelos cuidados de uma profissional :) Vcs podem até achar uma bobagem, mas quando se tem filhos bebezinhos precisa-se pensar em toda uma logística até para marcar a manicure...rsrsrs
Hoje trabalho só meio período. Vou levar meu gatinho para tomar vacina. Meu coração fica tão apertado só de imaginar a dor que ele vai sentir e na reação que pode ter... e o pior, a tia Karin que sempre aplica as vacinas nele e tem a mão de um anjo, está de licença por causa de uma virose, e a mamãe aqui terá que confiar as pernocas mais lindas e gorda na mão de uma outra enfermeira...tomara que ela tenha uma mão de anjo também :)

sexta-feira, 21 de maio de 2010

Finalmente Sexta

Um final de semana abençoado, tranquilo e cheio mimos para nós!!!

Ah, para as amigas que acompanham meu blog, que deixaram recadinhos carinhosos e que me ligaram para saber como estava vou deixar um poema que achei lindo e verdadeiro.

BONS AMIGOS

Abençoados os que possuem amigos, os que os têm sem pedir.

Porque amigo não se pede, não se compra, nem se vende.

Amigo a gente sente!

Benditos os que sofrem por amigos, os que falam com o olhar.

Porque amigo não se cala, não questiona, nem se rende.

Amigo a gente entende!

Benditos os que guardam amigos, os que entregam o ombro pra chorar.

Porque amigo sofre e chora.

Amigo não tem hora pra consolar!

Benditos sejam os amigos que acreditam na tua verdade ou te apontam a realidade.

Porque amigo é a direção.

Amigo é a base quando falta o chão!

Benditos sejam todos os amigos de raízes, verdadeiros.

Porque amigos são herdeiros da real sagacidade.

Ter amigos é a melhor cumplicidade!

Há pessoas que choram por saber que as rosas têm espinho,

Há outras que sorriem por saber que os espinhos têm rosas!

Machado de Assis

Adoro vcs!!!

Bjs

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Nada como um dia após o outro...

Olá moçoilas e moçoilos (se é que algum rapaz me lê...rsrsrs)

Ontem, em meio ao meu stress, recebi uma ligação carinhosa do maridão e me contive para não chorar, pois estava no escritório e não queria que as pessoas percebecem que não estava legal. Depois, em uma outra sala reservada, liguei para minha mãe e o choro que estava entalado na garganta saiu... desabei a chorar. Chorei, chorei e ela me ouviu, me deu "colo" e fiquei melhor. Tadinha, ela ficou tão preocupada que quando cheguei em casa, ela estava lá. Limpou minha casinha, fez a janta e até a papinha do Davi. Não precisei fazer absolutamente nada. Só cuidei do meu pequeno. Consegui dormir mais cedo e para ajudar o Davi só acordou uma vez esta noite. Hoje estou melhor, com as forças renovadas. Minha mãe foi uma fofa, se deslocou de longe para vir me ajudar. Obrigada mãezinha :)

Voltando no assunto casamento...

Que bom que vcs gostaram dos modelitos. Assim que tiver decidido, cor e modelo eu conto pra vcs. É claro que não mostrarei tudo...vai que acontece igual aconteceu com minha cunhada que mostrou o modelo de um vestido que faria para ser madrinha a uma amiga e essa mesma amiga mandou fazer um vestido igualzinho...rsrsrs postou todas as fotos no orkut e minha cunhada teve que mudar todo os seu planos...kkkkkkkkkk Já pensou???? Se ainda fosse de longe, não tivessem amigos incomum ainda ia, mas não era o caso...rsrsrs Mas no fim deu tudo certo, minha cunhada encontrou um modelo tão lindo quanto e arrasou! Confiram aqui http://lilianamorim.blogspot.com/2009/09/hello.html

Ah...o Davi será pajem kkkkk Até lá ele estará andando e minha irmã disse que colocará uma daminha um pouco maior que ele para conduzí-lo ao altar. Já imaginaram que fofo, meu pequeno todo a rigor????
Achei esta foto na net e amei esta cartola. Não é fofa?

Bjs meninas e depois eu volto com os selinhos que ganhei :)

quarta-feira, 19 de maio de 2010

Vestidos

Desabafei, chorei bastante e depois disso estou mais aliviada. Preciso me posicionar de uma maneira mais "relax", mas até chegar a este nível acho que ainda vou chorar muito...rsrsrs
Bom, mudando totalmente de assunto, já contei aqui que minha irmã vai se casar em dezembro e estamos todos na expectativa para esse grande dia. Lendo esses dias o blog da Rê (
http://recontandoblog.blogspot.com/) me dei conta que preciso correr atrás do meu vestido de madrinha, pq o tempo voaaaaaa. Daí comecei a pesquisar vários modelitos. Tirei tudo do http://www.bymk.com.br/AoVivo/ uma vitrine virtual bem legal para quem curte moda é quer montar seu próprio look. Na verdade eu queria ter feito minhas combinações, mas me faltou tempo e saco pra isso, por isso peguei aquelas que mais curti. Dá para me inspirar legal, não acham???










Desabafo

Dia chuvoso aqui em São Paulo...Dia gostoso pra ficar embaixo das cobertas e de preferência dormindo. Ah...como eu preciso dormir :(
Meu pequeno está bem, mas meio remelento...acho que está com conjuntivite... Bom, mandei a sopinha ontem e a professora disse que ele comeu 6 colheres e depois rejeitou. Hoje mandei novamente e assim vou insistindo, mas agora da maneira correta. Obrigada meninas pela força e orientação...me fez bem :)
Tenho aprendido que ser mãe é um aprendizado diário, onde nem sempre é possível acertar, mas pra mim isso é difícil... pq normalmente me cobro demais, sou perfeccionista demais e quando as coisas fogem ao meu controle fico mal, não me permito errar e sofro com isso... Quero ser a DEDICADA dona de casa, esposa, filha, mãe, profissional...Mas estou me sentindo cansada, estressada e sobrecarregada. Não sei se é pq ainda não me refiz do final de semana denso que tive ou se realmente estou chegando ao meu limite físico, emocional... Só sei que HOJE estou pedindo arrego.

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Nossa, estou me sentindo a pior mãe do mundo!!!! Depois que a Ana Paula da http://mamaequetrabalha.blogspot.com/ deixou um comentário que deveria ter introduzido um alimento por vez, fui pesquisar e encontrei um monte de sites que recomenda a mesma coisa. Na verdade, quando estava pesquisando receitas de papinhas, eu cheguei a ler em algum site (não me lembro em qual), mas não levei em consideração pq a PEDIATRA dele havia recomendado que fosse daquela forma. Logo, imaginei que ela como Dra. sabia o que estava receitando e confiei cegamente no que ela disse.
Será que todas as vezes que ela receitar algo, terei que correr pra net para saber se o que ela receitou tem coerência?
Acho que chegou a hora de conhecer outros pediatras...
Estou me sentindo culpada por não ter sido mais curiosa, por não ter pesquisado, por não ter me preparado melhor para este momento...

Primeira papinha = primeira cólica

Meu pequeno completou 6 meses ontem e para comemorar, fiz uma papinha caprichada com 2 legumes, 1 verdura e carne (conforme a pediatra indicou). A Dra. já havia liberado desde os 4 meses, pois ela achou que o fato dele iniciar no berçário, só meu leite não seria suficiente. Por opção minha decidi continuar só com o leite e a papinha de frutas e até então estava dando tudo certo. Na semana passada a professora disse que achava que só o leite não era mais suficiente e que quando ele via outras crianças comendo papinha ele ficava todo eufórico. Pensei, já é hora de introduzir a sopinha, ele está crescendo. Sexta passei um bom tempo na net pesquisando receitas, já que minha criatividade na cozinha é zero. Sábado fiz a sopinha e ele adorou. Comeu bem e se lambuzou todo, mas quando foi a noite, meu pequeno acordou com um choro estridente que nada o consolava, ele dobrava as perninhas e logo imaginei que fosse cólica. Coloquei de bruços e nada, tentei fazer massagens e nada e no desespero saímos em plena 4:00 hs da manhã para levá-lo ao hospital. O Dr. o examinou. A barriguinha dele estava dura, cheia de gases... era cólica. Tudo por causa da carne na sopinha, que segundo o Dr. não poderia ter dado logo de imediato, que teria que introduzir aos poucos. (pq a pediatra não disse isso????) Sei que ele foi medicado e pouco tempo depois estava bem. Mas durante todo o domingo, ficou enjoadinho, teve crises de novo que só passou com o medicamento. Nem tive coragem de oferecer sopinha pra ele de novo...fiquei traumatizada. Foi tão triste ver meu pequeno sofrendo daquele jeito...em 6 meses, nunca tinha passado por isso.

Hoje vou preparar uma sopinha bem leve (sem carne) e mandar para ele almoçar amanhã. Tomara que ele aceite bem e não tenha cólica.

Eu???? Bom, eu estou fisicamente esgotada, precisando de um descanso, mas será difícil, pois a semana está só começando. Faz parte...

quinta-feira, 13 de maio de 2010

A nossa música que não é mais nossa...

Quando estava grávida do Davi, sempre conversava com ele na barriga, dizia o quanto o amava e fazia diversas declarações de amor mas nunca cantava, pq não tinha achado uma música pra nós.
Quando ele nasceu eu queria cantar pra ele, mas cantar o que??? Queria cantar algo que fosse fácil de lembrar e que fosse fácil dele reconhecer. Tentei cantar “como é grande o meu amor por vc” do Roberto mas não pegou, daí tentei adaptar outra música do Roberto e ficou assim “O menino que eu amo, tem a pele morena, a boca pequena e me ama também, o menino que eu amo, tem os olhos tão pretos, a mão tão pequena....” e por aí eu ia tentando encaixar as letras mas depois eu nunca lembrava da versão que tinha feito. Daí peguei uma música do Lázaro que diz “Filho eu quero tanto, enxugar teu pranto, te fazer só meu, filho eu quero ser seu Deus, Eu te amo tanto, tanto, tanto, tanto...” Foi então que comecei a cantar “ Mamãe ama tanto, tanto, tanto, tanto, mamaezinha ama, tanto o Davizinho” Eu cantava e ele sorria. Pronto, tinha encontrado a nossa música. Era fácil, não corria o risco de esquecer e todas as vezes que cantava ele se desmanchava em risos.
Logo nos primeiros dias dele no berçário, cheguei toda feliz por encontrá-lo e fui logo cantando a musiquinha e as “prozinhas” ficaram encantadas com a reação dele. Daí, todas as vezes que eu chegava, elas queriam que eu cantasse só para vê-lo sorrir todo bobo. Sei que as “prozinhas” aprenderam a música e começaram a cantar pra ele :(
Ontem eu cheguei lá para pegá-lo e a prozinha Glória pediu para o João cantar para o Davi (o João é um menininho de 1 ano e meio) Foi fofo quando o João chegou perto dele e cantou “tanto, tanto, tanto” rsrsrs e disse ainda que a Lara (outra garotinha da mesma idade do João) fica pedindo “canta, mamãe ama” foi tudo muito lindo e fofo, mas eu não gostei :( pôxa vida, a música era só minha e dele...rsrsrs só abria uma excessão para o papai... e agora o berçário todo canta a nossa música.
Agora preciso arrumar uma outra música, mas desta vez não canto na frente de ninguém!!! rsrsrs

quarta-feira, 12 de maio de 2010

COMO CULTIVAR BOAS AMIZADES


Com toda a certeza, é a amizade o sentimento que devemos cultivar com mais cuidado e dedicação em nossa vida, já que conseguimos descobrir nossa verdadeira alma pelas amizades que conseguimos conquistar, e, mais importante ainda, que conseguimos manter ao longo de nossa vida.Assim, se somos capazes de fazer e manter boas amizades, podemos dizer que temos algo de bom em nossa alma, eis que amizades são conquistadas com atitudes positivas, e com palavras de apoio e carinho quando necessário for. E principalmente com muita sinceridade, já que com amigos, devemos usar e abusar da sinceridade, sempre sendo coerentes em nossas ações, nunca esquecendo de que, caso caiba uma reprimenda, devemos ter presente que nossa obrigação de amigos, será apontar as falhas de conduta de nossas amizades. A amizade não se demonstra apenas na hora da festa, mas também quando cabe um castigo.Recebi um pensamento que mostra bem a sabedoria oriental, de autoria de Confúcio:"Se você quiser um ano de prosperidade, cultive grãos.Se você quiser dez anos de prosperidade, cultive árvores.Se você quiser cem anos de prosperidade, cultive pessoas."Sem dúvida alguma, nosso filósofo está coberto de razão. Conseguindo cultivar pessoas teremos sempre muita prosperidade. Se não for financeira, será espiritual. Sempre fará bem para nosso espírito saber que temos capacidade para conquistar e desenvolver amizades.Contudo, sempre existe a possibilidade de deixarmos escapar algumas boas amizades, por razões alheias à nossa vontade.Por exemplo, quantas vezes amigos se afastam por questões mal explicadas. Alguma atitude inconveniente, talvez. Ou algum mal entendido. Sabe-se lá porque. Claro que o sentimento de amizade nesse caso, não estava bem sedimentado. Não era, digamos, uma real amizade, mas algo ditado por alguma conveniência de uma das partes, ou de ambas.São as chamadas amizades de ocasião, amizades formadas apenas por algum interesse eventual. Uma real amizade cria raízes, e na verdade, independe do tempo ou mesmo da convivência, sendo ditada pelas afinidades existentes entre os parceiros, e que surgem por vezes inexplicavelmente, e são simplesmente descobertas, provocando o crescimento do sentimento, unindo pessoas que nem sempre se conhecem fisicamente, e tais amizades vão se fortalecendo, muitas vezes justamente por não haver esse contato mais estreito. São mantidas no terreno de amizade, que é um sentimento puro. De repente ficamos amigos. Por que? Ora, porque...Não se define. Sente-se apenas.Alguma vezes pode ser confundido com amor, o que por vezes atrapalha o relacionamento.Amizade não requer exclusividade, enquanto o amor é bem mais exclusivista. Podemos dividir nossas amizades com outras pessoas, enquanto que nosso amor queremos apenas para nós mesmos. Amizades podemos e devemos ter muitas, enquanto que o amor exige exclusividade.Devemos apenas ser seletivos. Aliás, como a amizade é ditada pelas afinidades entre as pessoas, já é naturalmente seletiva.Claro que sempre é necessário algum contato, mesmo que extemporâneo para sua manutenção, para que não acabe caindo no esquecimento.E com essa finalidade, para sempre procurar manter as amizades conquistadas, desejo que todos tenham UM LINDO DIA.


Marcial Salaverry

segunda-feira, 10 de maio de 2010

Dias deliciosos!

Meu final de semana foi uma delícia. Sexta-feira o encontro das Luluzinhas foi muito bom. Ia fazer quase 1 ano que não nos reuniámos, uma vergonha!!!! rsrsrs Mas é assim mesmo...no nosso dia dia corrido, com as diversas funções da mulher moderna, a prioridade sempre são os maridos, filhos, trabalhos e as amigas acabam ficando em segundo plano. Mas não podemos deixar de arrumar um tempinho para cultivar as boas amizades. Pena que passou rápido. Até levei a máquina, mas nem lembrei de tirar fotos :( Pela primeira vez um encontro das Luluzinhas sem fotos!
Sabadão fiquei em casa, colocando as coisas em ordem e curtindo meu filhote e o maridão e ontem foi dia de ir pra casa da minha mãe comemorar o dia das mães!! Foi muito bom!!! Fazia tempo que não via minha avó "pretinha"também. Ela ficou encantada com o Davi. Quando ela o conheceu ele só tinha um mês. Vejam minha vó como é fofa:
Ah...ganhei um presente lindo do berçário do Davi. Fiquei super emocionada com o primeiro presentinho dos dias das mães. Vejam que fofo:



E esse é o meu gatinho todo quentinho por causa do frio!!! Aqui esfriou tanto ontem :(

Uma semana linda pra vcs!!!!!

sexta-feira, 7 de maio de 2010

Ser Mãe

Antes de ser mãe, eu fazia e comia os alimentos ainda quentes.
Eu não tinha roupas manchadas, tinha calmas conversas ao telefone.

Antes de ser mãe, eu dormia o quanto eu queria,
Nunca me preocupava com a hora de ir para a cama.
Eu não me esquecia de escovar os cabelos e os dentes

Antes de ser mãe, eu limpava minha casa todo dia.
Eu não tropeçava em brinquedos e nem pensava em canções de ninar.

Antes de ser mãe, eu não me preocupava: Se minhas plantas eram venenosas ou não.
Imunizações e vacinas então, eram coisas em que eu não pensava.

Antes de ser mãe, ninguém vomitou e nem fez xixi em mim,
Nem me beliscou sem nenhum cuidado, com dedinhos de unhas finas.

Antes de ser mãe, eu tinha controle sobre a minha mente,
Meus pensamentos, meu corpo e meus sentimentos, e dormia a noite toda.

Antes de ser mãe, eu nunca tive que Segurar uma criança chorando, para que médicos pudessem fazer testes ou aplicar injeções.
Eu nunca chorei olhando pequeninos olhos que choravam.
Nunca fiquei gloriosamente feliz com uma simples risadinha.
Nem fiquei sentada horas e horas olhando um bebê dormindo.

Antes de ser mãe, eu nunca segurei uma criança, só por não querer afastar meu corpo do dela.
Eu nunca senti meu coração se despedaçar, quando não pude estancar uma dor.
Nunca imaginei que uma coisinha tão pequenina, pudesse mudar tanto a minha vida e
que pudesse amar alguém tanto assim.
E não sabia que eu adoraria ser mãe.

Antes de ser mãe, eu não conhecia a sensação, de ter meu coração fora do meu próprio corpo.
Não conhecia a felicidade de alimentar um bebê faminto.
Não conhecia esse laço que existe entre a mãe e a sua criança.
E não imaginava que algo tão pequenino, pudesse fazer-me sentir tão importante.

Antes de ser mãe, eu nunca me levantei à noite toda, cada 10 minutos, para me certificar de que tudo estava bem.
Nunca pude imaginar o calor, a alegria, o amor, a dor e a satisfação de ser uma mãe.
Eu não sabia que era capaz de ter sentimentos tão fortes.

Por tudo e, apesar de tudo, obrigada Deus,
Por eu ser agora um alguém tão frágil e tão forte ao mesmo tempo.




Obrigada meu Deus, por permitir-me ser Mãe!



Silvia Schmidt

Meu primeiro dia das mães

Bom dia!!!!

Tudo bem com vcs meninas? Graças a Deus é sexta feira e hoje a noite tem encontro com as Luluzinhas :) Fazia um tempão que não nos reuníamos. Estou ansiosa para nosso encontro.
Domingo será meu primeiro dia das mães como mãe :) com o meu maior e melhor presente: Davi
Posso até ser meio repititiva aqui nos meus post falando do meu amor por ele, da minha corujisse, mas a verdade é que cada dia que passa eu fico mais apaixonada por meu gatinho. É um amor que só cresce, um amor que não se explica, se sente....
Estou tão boba que até um comercial de TV me faz chorar... Aquele das Casas Bahia é lindo de viver!!!!

Hoje consigo compreender o amor, zelo, dedicação e proteção que minha mãe tinha e tem por mim.

Mãe, obrigada pelas noites em que ficou me embalando tentando me fazer domir.
Pelo tempo que se dedicava a me ajudar com os deveres de casa.
Pelos conselhos que muitas vezes eu não queria aceitar, mas que no fim a Sra. tinha razão.
Pelas orações que o Senhor ouviu e que me deram livramentos.
Por ter me incentivado a tocar piano, mesmo que eu nunca tenha me dedicado como deveria.
Por ter me ensinado boas maneiras.
Por me fazer conhecer os caminhos do Senhor.

Mãe, obrigada por tudo!!!! TE AMO!

Ah...escutei uma música linda hoje e pra variar chorei mais um pouquinho rsrsrs

Se quiser escutar é só clicar AQUI

Mãe
Composição: Eyshila

Hoje eu acordei com uma vontade enorme de dizer
O quanto você é importante pra mim, mãe
Nunca alguém me olhou assim com tanta emoção
Quando ouço a sua voz escuto a mesma canção
Que você cantava, quando eu chorava sem querer dormir
E com lágrimas você orava por mim
Palavras de amor, palavras de paz
São momentos que eu não esquecerei jamais
Mãe eu preciso te falar de amor
Eu preciso te falar da minha gratidão
Receba essa canção, mãezinha
Quero dedicar esse momento ao Senhor
E bendito aquele dia em que eu nasci de você
Louvado seja Deus porque você é minha mãe

Quero te beijar, quero te abraçar, mamãe
Abra os braços e sorria
Quero te beijar, quero te abraçar, mamãe
Todo dia é o seu dia
Quero te beijar, quero te abraçar, mamãe
Abra os braços e sorria
Quero te beijar, quero te abraçar, mamãe
Todo dia é o seu dia


PARABÉNS PARA TODAS AS MAMÃES!!!!!!!!!

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Selinhos

Pela primeira fui presenteada com selinhos fofos. Sempre via em alguns blogs mas não sabia exatamente como funcionava, mas a Paula da http://mamaequetrabalha.blogspot.com/ me presenteou e explicou:

Vc recebe os selinhos e indica os blogs que vc mais curte.
Agora chegou a minha vez de indicar alguns blogs que são "paradas" obrigatória:

http://recontandoblog.blogspot.com/ (sei que ela já foi indicada pela própria Paula, mas não poderia deixar de indica-la também. Pense numa pessoa fofa...)

http://bebesucre.blogspot.com/ (tem coisas lindas e modernas para quem tem filhotes)

http://casarefacil.blogspot.com/ (um dos melhores blogs para quem vai casar e para quem já casou mais continua amando o assunto casamentos)

http://muitodetudoumpouco.blogspot.com/ (esse blog tem dicas bem legais de maquiagem)

http://festejarepreciso.blogspot.com/ (Jú Françoso que faz cada festa linda de viver)

http://meuestilinho.blogspot.com/ (A garotinha mais fashion que já vi. Linda!!!)

Esses são só alguns dos blogs que curto.






















Para este último selinho, vc tem que responder a seguinte pergunta:

O que tem na sua bolsa neste exato momento?

Ultimamente ando bem prática e eliminei um monte de coisas que sempre achei que um dia precisaria mas que nunca usava. Hoje ela tem:

1 creme victória secret's strawberries and champagne
1 base para unhas
celular
carteira
chave do carro
chave das gavetas do escritório
e contas para pagar rsrsrsrs




terça-feira, 4 de maio de 2010

Pareço sim com minha mamãe...rsrsrs

Todo mundo diz que ele é cara do Jú, mas eu acho que ele se parece comigo. Tenho o direito de achar o que quiser, não é??? :P

segunda-feira, 3 de maio de 2010

Primeira festinha de criança do Davi

Ontem fomos ao aniversário de 1 ano da Ana Clara, uma das pretendentes do Davi...rsrsrs Estava tudo lindo e o Davi ficou encantado com a mesa colorida, com as bexigas...observou tudo e dormiu...kkkkkk Mas ainda deu tempo de tirar algumas fotinhos com a aniversariante linda.

Estava tudo colorido e eles não queriam olhar para a câmera


No colo do vovô postiço

No colo do papai querendo dormir...