terça-feira, 30 de novembro de 2010

Ando numa correria louca. São festas, casamentos e viagem e todos esses acontecimentos em menos de 15 dias. Até sair de férias não tenho mais finais de semana livre. Algumas amigas até queriam marcar um encontro para confraternizarmos mas minha agenda está lotada a importante, então sugeri que nos encontrássemos em janeiro para darmos boas vindas ao novo ano, acho que vai rolar :)
Neste final de semana tivemos a festinha do apressadinho Rafael que nasceu aos 6 meses 12 dias após o Davi. A vida dele é um milagre. A parte mais emocionante da festa foi a retrospectiva onde mostrou a luta dele pela vida no hospital, a vinda dele pra casa e todo o seu desenvolvimento brincando, sorrindo, forte e saudável durante todo esse 1º ano. A festinha foi linda, super colorida e divertida.  O Davi ficou encantado com tudo. Foi uma delícia ver sua euforia diante de tantos bonecos e brinquedos.
O aniversariante


Ele girou várias vezes nesse carrossel super concentrado


Amigas e amigo (o super papai fica bravo quando só me lembro das meninas rsrsrs) assim que der, vou postar selinhos e passar no cantinho de cada um de vcs.
Bjs

quinta-feira, 25 de novembro de 2010


Neste final de semana o Davi conheceu o priminho Pedro Paulo a titia Thais e reviu a vovó Zenaide.

Ele se apaixonou pelo priminho. Lindo ver os dois juntinhos.
Vejam só que fofo!
Não podia ver o primo por perto que queria agarrar

A titia curtiu muito também

Ele se achou de óculos escuros. Não queria mais tirar do rosto.

A titia passando toda confiança pra ele se soltar

Ele gostou da brincadeira

E até ameaçou dar passinhos, pena que o espaço não deu

Pose para a foto
Se desmanchou de amores pela  vovó

Se encantou com a decoração de natal. Só não viu o papai noel.

terça-feira, 23 de novembro de 2010

O 1º aniversário

Estou feliz!!!
Ficou tudo muito lindo e fofo como imaginei.
Valeu a pena cada cata-vento cortado e montado, cada botãozinho colado, cada caixa embrulhada, cada fitinha, cada tag...
A correria mesmo começou um dia antes. Ficamos até tarde no salão tentando adiantar o máximo que podíamos, mas chegou uma hora que o cansaço bateu e além do mais tinha que dar uma ajeitada na casa para receber minha sogra, cunhada e sobrinho que vieram da Bahia especialmente para o aniversário. Chegaram às 2:00 da madrugada e até que todos estivem acomodados, fui dormir quase 3 para acordar as 8:00hs, dá para imaginar como estava, não é? Apesar do cansaço, eu estava  super acelerada e ligada no 220... Juro que pensei que sobraria um tempinho para relaxar antes da festa, puro engano, a hora voou... Subi para tomar banho faltavam 15 minutos para começar. Enquanto isso, a vovó tratava de deixar meu pequeno arrumadinho e cheiroso.
Descemos para recepcionar os convidados. O Davi se encantou com as bexigas e os cata ventos. Seus olhinhos brilhavam...
Na hora de cantar parabéns, ele não bateu palminhas, acho que ficou tímido diante de tanta gente olhando pra ele.  Apesar de não ter dormido à tarde, horas ficava mal humorado, horas gargalhava e brincava, ele suportou bravamente até o final da festa que terminou já era mais de 22 hs
Foi uma delícia receber o carinho de cada um e praticamente impossível dar atenção para todos como gostaríamos, mas me parece que todos curtiram bastante, principalmente a mesa de guloseimas que fez o maior sucesso. Detalhe, tinham poucas crianças na festa...quem curtiram mesmo foram os crianções que se deliciaram com confetes, minhocas cítricas, balas de coco, suspiros, balinhas de gelatina e pirulitos. Muito engraçado eles justificando as marmitinhas cheia de guloseimas e docinhos...rsrs
Agradeço de coração meu maridão, meus pais, meus irmãos Du e Gi, meus cunhados Lu, Vanessa, Thais e Maya e minha amiga Karin. A disposição deles em ajudarem foi fundamental para fazer deste dia um dia especial. 

Agora vamos às fotos. Espero que gostem :)














As lembrancinhas


domingo, 21 de novembro de 2010

Deu tudo certo!!!

Só vim aqui dizer que a festa do Davi foi linda!
Depois volto para contar mais detalhes e postar mais fotos.

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Obrigada por cada recadinho carinhoso para o meu pequeno. Fizemos a maior festa, cantamos parabéns várias vezes e estamos ensinando ele a mostrar que tem 1 aninho. Quando ele quer, ele mostra o dedinho...tão fofo!!!! Ah...ontem ele se soltou sozinho de mim e ficou se equilibrando com as mãozinhas pra cima e quando caiu sentado, bateu palminha todo feliz. Acho que está perdendo o medo e logo, logo estará correndo pela casa.
 Minha cabeça está a mil por hora...não consigo nem me concentrar no trabalho. Sou normalmente ansiosa e então dá para imaginar como estou.  Só penso no que ainda preciso fazer. Já fiz um check in list de tudo e a correria mesmo começa amanhã. O dia será bem intenso, cheio de coisinhas pra resolver. Mas estou curtindo muito. Será uma festa simples, mas preparada com muito amor.

Beijão e até mais com as novidades sobre a festinha

Abaixo alguma fotinhas do meu pequeno na escolinha que tirei esta semana:

Com o amiguinho Dudu

Treinando bastante pra sair correndo

Com a prozinha Ana. Pensem em como ele é apaixonado por ela. Dá ciumizinho...rsrs

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Niver do meu gatinho!

1 ano de muito amor e da mais bela experiência.
Ser mãe dá trabalho, requer muito sacrifício, noites mal dormidas, unhas por fazer, renúncias e mais renúncias, mas tudo, absolutamente TUDO vale muito a pena.
É um amor arrebatador, um amor que só cresce e que às vezes chegar a doer no peito. Olho para meu pequeno e me pego a chorar com um gesto de carinho, com seu olhar doce e sorriso sincero. Hoje posso afirmar que não existe nada melhor do que ser mãe.


Parabéns meu filho. Que o Senhor te abençoe, guie teus passos, te dê muita saúde, sabedoria, inteligência e muito amor.
Saiba que a mamãe e o papai te amam e que você é o nosso melhor presente.

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Frescura ou Zelo?

Segunda, levei o Davi na pediatra. Graças Deus ele está ótimo :)

Agora começaremos uma nova fase em sua alimentação. É hora de deixar as papinhas para trás e começar a comer comidinhas mais sólidas. Como eu já havia dito por aqui, quando faço comida fresquinha, sempre ofereço. Ele come bonitinho, mastiga com seus dois dentinhos e quando encontra um pedacinho de legumes ou carne maior, cospe sem fazer cerimônia. Depois de 1 ano, ele poderia comer a comidinha da escola, mas quando vi o cardápio do que eles servem, me choquei um pouco. Tá certo que a maioria das coisas é saudável e tudo bem que lá não tem só bebês, mas servir Strogonoff, pastelzinho, salsicha, nuggets, berinjela a parmegiana para uma criança de 1 ano achei demais. Conversei com uma das donas da escolinha e perguntei se o cardápio era o mesmo para os bebês ela disse que sim. Disse que poderia escrever na agenda o que pode ou não servir no dia e quando achar necessário, enviar a marmitinha dele. Levei o cardápio para a pediatra dar uma olhada e ela desconjurou. Disse que haviam coisas que nem para crianças maiores era adequado servir. Nuggets e salsicha nem pensar! Azeitonas pra quê? Ela também fez algumas observações quanto ao leite. Contei que o Davi havia desmamado e que estava dando NAN. Perguntei se poderia dar o Ninho Fases e ela disse NÃO! Ela explicou que para o bom desenvolvimento neurológico do bebê era ideal que tomasse fórmula até os 2 anos e que o leite comum poderia complicar mais o quadro da bronquite alérgica. O que a médica disse é coerente e fundamentado em estudos. Algumas coisas do que é legal ou não oferecer pra uma criança pra mim também são bem óbvias, mas como mãe de primeira viagem as vezes me pergunto se seguir tais recomendações realmente vão fazer diferença. Hoje, posso comprar a lata de NAN mas e se não pudesse???
Minha mãe diz que antigamente não existia nada disso e que criou os 3 filhos dela com leite de saquinho (a caçula com ninho) e hoje estão todos bem criados e saudáveis.
O que minhas amigas blogueiras me dizem??? Isso é frescura ou zelo? Para as que já são mãe, o que vcs oferecem ou ofereciam para seus bbs na fase em que o Davi está?

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Selinho da blogueira educada

Se lembram deste post aqui? A Flávia Shiroma depois de receber todos os nossos comentários, editou e acrescentou mais coisas de forma que se tornou um verdadeiro manual de boas maneiras para comentários nos blogs. Depois ela teve a super idéia de criar o Selinho da "Blogueira Educada"

 
"O intuito deste selo fixo de campanha "Blogueira Educada" é promover a harmonia na blogosfera. No nosso dia-a-dia é natural seguirmos alguns padrões de boa conduta pelo bem de uma convivência calorosa e sadia. No mundo virtual isso também pode ser feito. Vamos espalhar pelos quatro cantos que a educação deve existir também no mundo dos teclados e que o respeito às idéias de cada blog deve estar acima de tudo." 

Regrinha:
Oferecer às suas amigas blogueiras este selinho e pedir para elas colocarem o link da postagem que é este:
"A Arte de Comentar nos Blogs": http://flaviashiroma.blogspot.com/2010/10/porque-seus-comentarios-nao-sao.html
Ah! E pedir para elas informarem de quem recebeu o selinho.
 
Ofereço este selinho para todas minhas amigas blogueiras que são super educadas e carinhosas e que querem aderir a campanha :)

Ser Mãe

Quando li esse texto pela primeira vez ainda não era mãe. Lembro-me de que  o achei lindo mas não me emocionei da forma que me emocionei hoje...

“Nós estávamos sentadas almoçando quando minha filha casualmente menciona que ela e seu marido estão pensando em ‘começar uma família’”.
'Nós estamos fazendo uma pesquisa', ela diz, meio de brincadeira. 'Você acha que eu deveria ter um bebê?'
'Vai mudar a sua vida,' eu digo, cuidadosamente mantendo meu tom neutro.
'Eu sei,' ela diz, 'nada de dormir até tarde nos finais de semana, nada de férias espontâneas.. .'

Mas não foi nada disso que eu quis dizer. Eu olho para a minha filha, tentando decidir o que dizer a ela. Eu quero que ela saiba o que ela nunca vai aprender no curso de casais grávidos. Eu quero lhe dizer que as feridas físicas de dar à luz irão se curar, mas que tornar-se mãe deixará uma ferida emocional tão exposta que ela estará para sempre vulnerável.

Eu penso em alertá-la que ela nunca mais vai ler um jornal sem se perguntar: 'E se tivesse sido o MEU filho?' Que cada acidente de avião, cada incêndio irá lhe assombrar. Que quando ela vir fotos de crianças morrendo de fome, ela se perguntará se algo poderia ser pior do que ver seu filho morrer.

Olho para suas unhas com a manicure impecável, seu terno estiloso e penso que não importa o quão sofisticada ela seja, tornar-se mãe irá reduzí-la ao nível primitivo da ursa que protege seu filhote. Que um grito urgente de 'Mãe!' fará com que ela derrube um suflê na sua melhor louça sem hesitar nem por um instante.

Eu sinto que deveria avisá-la que não importa quantos anos ela investiu em sua carreira, ela será arrancada dos trilhos profissionais pela maternidade. Ela pode conseguir uma escolinha, mas um belo dia ela entrará numa importante reunião de negócios e pensará no cheiro do seu bebê.

Ela vai ter que usar cada milímetro de sua disciplina para evitar sair correndo para casa, apenas para ter certeza de que o seu bebê está bem.

Eu quero que a minha filha saiba que decisões do dia a dia não mais serão rotina. Que a decisão de um menino de 5 anos de ir ao banheiro masculino ao invés do feminino no McDonald's se tornará um enorme dilema. Que ali mesmo, em meio às bandejas barulhentas e crianças gritando, questões de independência e gênero serão pensadas contra a possibilidade de que um molestador de crianças possa estar observando no banheiro.

Não importa a quão assertiva ela seja no escritório, ela se questionará constantemente como mãe.

Olhando para minha atraente filha, eu quero assegurá-la de que o peso da gravidez ela perderá eventualmente, mas que ela jamais se sentirá a mesma sobre si mesma. Que a vida dela, hoje tão importante, será de menor valor quando ela tiver um filho. Que ela a daria num segundo para salvar sua cria, mas que ela também começará a desejar por mais anos de vida - não para realizar seus próprios sonhos, mas para ver seus filhos realizarem os deles.

Eu quero que ela saiba que a cicatriz de uma cesárea ou estrias se tornarão medalhas de honra.

O relacionamento de minha filha com seu marido irá mudar, mas não da forma como ela pensa. Eu queria que ela entendesse o quanto mais se pode amar um homem que tem cuidado ao passar pomadinhas num bebê ou que nunca hesita em brincar com seu filho. Eu acho que ela deveria saber que ela se apaixonará por ele novamente por razões que hoje ela acharia nada românticas.

Eu gostaria que minha filha pudesse perceber a conexão que ela sentirá com as mulheres que através da história tentaram acabar com as guerras, o preconceito e com os motoristas bêbados.

Eu espero que ela possa entender porque eu posso pensar racionalmente sobre a maioria das coisas, mas que eu me torno temporariamente insana quando eu discuto a ameaça da guerra nuclear para o futuro de meus filhos.

Eu quero descrever para minha filha a enorme emoção de ver seu filho aprender a andar de bicicleta. Eu quero mostrar a ela a gargalhada gostosa de um bebê que está tocando o pelo macio de um cachorro ou gato pela primeira vez. Eu quero que ela prove a alegria que é tão real que chega a doer. O olhar de estranheza da minha filha me faz perceber que tenho lágrimas nos olhos.

'Você jamais se arrependerá', digo finalmente.

Então estico minha mão sobre a mesa, aperto a mão da minha filha e faço uma prece silenciosa por ela, e por mim, e por todas as mulheres meramente mortais que encontraram em seu caminho este que é o mais maravilhoso dos chamados. Este presente abençoado de Deus...

que é ser Mãe."

(Autor desconhecido)

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Convite de Aniversário

(Editado - a definição da foto agora ficou melhor e coloquei o convite com o horário correto)

O niver do meu pequeno tá chegando, falta só 15 dias e agora comecei a ficar ansiosa...rsrs 
Estou na correria para que tudo saia conforme tenho imaginado. Sobre as lembrancinhas, decidi colocar bala de goma mesmo que é mais barato e vai ficar mais alegre e colorido.
Vim mostrar pra vcs o convite que eu mesma fiz :)  Imprimi tudo em papel fotográfico e ficou perfeito! Infelizmente a visualização aqui não ficou tão boa e coloquei faixa azul no endereço por segurança, mas dá para vcs terem uma noção de como ficou. 

Vcs gostaram?
Eu gostei bastante fiquei super orgulhosa do meu trabalho e estou pensando seriamente em investir neste meu lado artístico :)

Bjs e tenham um ótimo final de semana.

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Mamy de primeira

Só para dizer que não consigo entrar no seu blog :( dá erro e pelo título da sua postagem aqui do lado deve ser por causa do novo layout :(  E agora????
Será que é só comigo que está acontecendo isso?

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Acho que desmamou mesmo...

Ontem por um instante achei que ele voltaria a mamar. Assim que adormeceu, coloquei o peito na boquinha dele e ele mamou. Me senti feliz e fiquei aliviada. Mas foi só naquele instante. Na madrugada como de costume ele acordou, ofereci o peito mas quem disse que ele quis? Tive que preparar uma mamadeira para tranquilizar a ferinha faminta e hoje pela manhã não foi diferente.

Não queria servir leite artificial, mas não tive como... Quando voltei a trabalhar, aluguei uma bomba da Medela que foi ótima, usei durante 5 meses, mas estava ficando cara e decidimos comprar uma, só que achei muito pagar R$ 800 e pesquisando encontrei uma da G-Tech e compramos. Logo de cara senti a diferença. A bombinha parecia que ia arrancar o bico do seio e demorava muito para conseguir encher uma mamadeira. Com o uso fui me acostumando e como o Davi só estava tomando 1 mamadeira por dia na escolinha, achei que valia o sacrifício. Em menos de 3 meses de uso a bombinha quebrou e descobri que aqui em São Paulo, as assistências técnicas relacionadas no folheto, não estavam aceitando a maquina. Conclusão, tive que mandar para o Rio de Janeiro e até agora não recebi de volta. Sabe o famoso “barato sai caro”? pois é antes tivesse comprado a boa, né? Fica aí a dica para quem está pensando em comprar um bombinha elétrica de leite. Sei que justo neste período o Davi decide desmamar. Tive que me render ao NAN. Ele aceitou bem, mas acho que o leite soltou seu intestino.

Sabia que um dia ele iria desmamar, mas não achei que fosse agora e confesso que não estava preparada para essa “separação”. Estou sentindo um vazio grande, adorava amamentar, era mais do que dar leite, era o nosso momento de conexão...

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Sem peito há 2 dias

Domingo, enquanto o Davi mamava, mordeu o bico do meu seio tão forte que minha reação de imediato foi gritar de dor e brigar com ele dizendo que não podia morder o peito da mamãe. Desde então, ele não quer mais mamar. Já agradei de todas as formas, já enfiei o peito na boca dele, já tentei  dar o peito com ele dormindo, já passei mel dica da vovó,  mas não tem jeito!!! Ele dá uma mordidinha de leve e vira o rosto.
É claro que já chorei, me culpei por ter brigado com ele e estou triste. Espero que seja só uma fase e que logo ele volte a mamar.